Banda larga cresce 14% em 2021 com 9 milhões de novos acessos em fibra; confira o ranking

home-office-2-696x464

O mercado de banda larga fixa brasileiro somou 5 milhões de novos clientes em 2021 e encerrou o ano com 41,4 milhões de contratos ativos, segundo dados da Anatel. O crescimento anual de 14% foi sustentado por 8,97 milhões de assinantes que adquiriram ou migraram para pacotes de fibra óptica.

A base atendida pela tecnologia cresceu 52,7% ao longo do ano passado, atingindo 25,9 milhões de usuários com serviços em fibra. O montante representa mais de 62% do mercado, ou pouco menos de dois terços da base nacional.

Mais uma vez, os provedores de pequeno porte (PPPs) tiveram papel expressivo no movimento, adicionando 6,3 milhões dos novos contratos em fibra (salto de 61,2%, para 16,6 milhões). Juntas, as operadoras regionais concentram 19,3 milhões de clientes (alta de 36,5%), ou quase 50% do mercado.

Maiores altas

Crescimentos ainda mais expressivos foram registrados entre provedores regionais. Um destaque foi a Alloha Fibra (antiga EB Fibra), que encerrou o ano com 1,107 milhão de clientes, quando somadas as diversas operações do grupo. Foram mais de 750 mil adições líquidas entre crescimento orgânico e aquisições.

No caso da Desktop, foram contabilizados 422 mil novos clientes em 2021 através dos mesmos caminhos, chegando a 612 mil – ou salto de mais de 200% na base. Outras empresas bem posicionadas no assunto adições foram a Vero, com cerca de 250 mil novos clientes, a Brisanet, com 219 mil, e a Unifique, com 205 mil.

Fonte: https://teletime.com.br/08/02/2022/banda-larga-cresce-14-em-2021-com-9-milhoes-de-novos-acessos-em-fibra/